Pesquisar

DIRTY WASH!
A VEZ DO SUJINHO

Em se tratando de lavanderia, o efeito “dirty” não é novidade no jeanswear. As marcas jovens, foçadas na geração Z, já trazem esta informação – de forma mais exagerada – há algumas coleções. O que acontece agora é uma percepção da lavanderia dirty mais comercial, estourando a bolha da geração Z.

A nossa pesquisa de varejo internacional em Londres e Barcelona destaca o dirty com uma pegada mais comercial e adulta, com tons mais próximos ao areia e chá (um chazinho de camomila, sabe como?) A fórmula apareceu um camisas, saias, shorts, bermudas, calças, em cima de fundos estonados e marmorizado, em bases flats e ringadas. Uma aposta certeira!

 

Traduzindo a informação para o universo Capri: o tingimento Baby Blue, com as reservas mais claras, é bastante apropriado para criar o efeito, como as peças que apareceram muito na pesquisa. Agora, o tingimento Angel Blue, com as reservas um pouco mais escuras, com o sobre tingimento areia, traz uma cara mais de inverno para a tendência e deixa a peça mais sofisticada. 

Explore bases como a família original Denim, como o Algarve e o Borba, e a família dos flamês com os artigos Belotto, Volpi, Vert e Breta. Para começar a trazer já!

 

Posts recentes

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Abrir bate-papo
Podemos te ajudar?
Escanear o código
Olá 👋
Ficou com alguma dúvida? Podemos ajudá-lo? Nos chame, pois teremos o maior prazer em atendê-lo(a)